O DIVÓRCIO
Luiz Aragão - 1977

PODE OUVIR

 

MOTIVO DA CENSURA


No ano de 1977 o regime saudava os “13 anos de revolução de 1964”, enquanto Luiz Ayrão cantava “Treze anos que eu te aturo e não aguento mais / Não há cristo que suporte e eu não aguento mais”, uma clara referência ao regime vigente naquela época e teve sua música censurada. Ao trocar o título “Treze Anos” por “O Divórcio” ela foi liberada.

LETRA

Divórcio (o Samba Dos 13 Anos do Regime Militar)
Luiz Ayrão, 1977

Treze anos eu te aturo
Eu não agüento mais
Não há "cristo" que suporte
Eu não suporto mais
Treze anos me seguro
E agora não dá mais
Se treze é minha sorte
Vai, me deixa em paz

Você vem me infernizando
Como satanás
Você vem me enclausurando
Como alcatraz
Você vem me sufocando
Como o próprio gás
Ainda vive me gozando
Assim já é demais

Você vem me tapeando
Como um pente-fino
E vem me conversando
Como ao bom menino
E vem subjugando
O meu destino
E vem me instigando
A um desatino
v Um dia eu perco a timidez
E falo sério
E faço as minhas leis
Com o meu critério
E vou para o xadrez
O cemitério
Mas findo de uma vez
Com seu império.